em July 17, 2012

Os Tapetes Contadores de Histórias

É um grupo de atores e contadores de históriasque desde 1998 produz e realiza espetáculos, sessões de histórias, oficinas, exposições interativas e projetos culturais que envolvem oralidade, artes visuais e teatro, no Rio de Janeiro (RJ).

Os Tapetes Contadores de Histórias utilizam objetos como tapetes, painéis, malas, aventais, roupas, caixas e livros de pano para montar os cenários de contos autorais e populares de origens diversas, a fim de despertar o imaginário de crianças, jovens e adultos para as artes e a leitura.

Para o grupo, contar e escutar histórias proporciona uma qualidade de contato entre as pessoas que permite um profundo e prazeroso intercâmbio de experiências: atua tanto na construção de valores como contribui para a formação de uma percepção crítica e sensível da vida, da arte e da sociedade.

Somos um grupo de atores e contadores de históriasque desde 1998 produz e realiza espetáculos, sessões de histórias, oficinas, exposições interativas e projetos culturais que envolvem oralidade, artes visuais e teatro.

 

Com coordenação de Cadu Cinelli e Warley Goulart, criamos e nos utilizamos de objetos (tapetes, painéis, malas, aventais, roupas, caixas e livros de pano) como cenários de contos autorais e populares de origens diversas, a fim de despertar o imaginário de crianças, jovens e adultos para as artes e a leitura. Formados em Artes Cênicas pela UniRio, nossa pesquisa tem como base os contos de tradição oral e da literatura em geral, e asintersecções entre oralidade e artes visuais.

Para nós, contar e escutar histórias proporciona umaqualidade de contato entre as pessoasque permite um profundo e prazeroso intercâmbio de experiências: atua tanto na construção de valores como contribui para a formação de uma percepção crítica e sensível da vida, da arte e da sociedade.

Atualmente temos um acervo de 54 objetos que correspondem a um repertório que vai desde contos populares de origens diversas (Ásia, África, América do Sul e Europa) a escritores como Ana Maria Machado, Carlos Drummond de Andrade, Jutta Bauer, Manoel de Barros, Marina Colasanti, Peter Bichsel e Ricardo Azevedo. Com este material, criamos alguns espetáculos e sessões de histórias direcionadas especialmente para crianças (Passarinho à toa, O rei que ficou cego, Bicho do Mato, Cabe na Mala?, Palavras Andantes, Retalhos de Drummond,) ou exclusivamente para jovens e adultos (3Horizontes, O mundo de fora pertence ao mundo de dentro, Divinas y Humanas).